Foto: Governo da Guiana

As operações alfandegárias na passagem de fronteira Moleson Creek Guiana/Suriname foram reforçadas com a instalação de um novo scanner de bagagem para melhorar o monitoramento e promover o processamento contínuo de bagagens e cargas de passageiros.

O dispositivo de inspeção de tomografia computadorizada (CT) de raios X NUCTECH foi instalado no saguão de desembarque e possui recursos sofisticados que permitem a digitalização da bagagem dos passageiros em segundos e imagens codificadas por cores dos resultados são exibidos e revisados ​​por funcionários aduaneiros treinados.

Publicidade

Remessas de alto risco, incluindo itens ilícitos, restritos ou tributáveis, são sinalizadas e enviadas para um exame secundário. Os passageiros que chegam ao porto são, portanto, solicitados a cumprir as leis relativas a informações verdadeiras e corretas em seus Formulários de Declaração Alfandegária.

“A introdução desta tecnologia de escaneamento de bagagem está de acordo com os esforços de modernização das Alfândegas e revolucionará as operações aduaneiras para maior eficácia e eficiência”, afirmou os dois países. 

 

Comentar

Comentar