O governo do Suriname confirmou o sétimo caso de Covid-19 durante conferência de imprensa na tarde desta terça-feira, dia 24. De acordo com o Ministério da Saúde, o infectado é o marido da primeira mulher que foi diagnosticada com o vírus no país, no dia 13 de março.

Publicidade

Também durante a coletiva, o governo anunciou que 301 pessoas seguem cumprindo quarentena domiciliar. A Organização Mundial da Saúde (OMS), por outro lado, revisou a classificação de contágio e removeu o uso do termo “transmissão local”. Atualmente, não há distinção entre áreas de baixo e alto risco.

Foto: Arte/LPM News

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar