Publicidade

Clientes estavam no salão e aguardavam seus alimentos que foram surpreendidos com o encerramento imediato das atividades.

Foto: Reprodução/Richard Rostamkhan

Seria mais um dia normal de funcionamento até que uma inspeção de rotina da vigilância sanitária, sob o comando do comissário Mike Nerkust, de Paramaribo-Noordoost, determinou o fechamento de um restaurante após verificar várias irregularidades e a situação insalubre. O estabelecimento, que atende café da manhã e brunch, estava com clientes na hora em que foi lacrado.

As autoridades não detalharam as irregularidades, mas, pelas imagens, é possível perceber a falta de limpeza de recipientes, gordura encontrada em vasilhames, além de muita sujeira nos ambientes de produção dos alimentos. O proprietário do estabelecimento foi autuado e os funcionários, que faziam atendimento na hora, encerraram as atividades.

Publicidade

Os clientes ficaram surpresos e sem entender o que estava acontecendo. Em alguns pronunciamentos nas redes sociais, vários mencionavam que o local parecia limpo e que seguia as regras da vigilância. As autoridades pediram várias alterações internas e estabeleceram um prazo para o cumprimento até a nova visita in loco.

Fotos: Reprodução/Ricky Stutgard

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar