Parte das áreas atingidas pelas inundações no Suriname durante a última semana está voltando à normalidade. Em Paramacca, no distrito de Sipaliwini, por exemplo, o volume de água está baixando, segundo informações do comissário distrital José Jabini, que está na região.

“No momento não há nenhuma ameaça. A água ainda está alta. Estamos no longo período de chuvas, então tudo pode acontecer. Depois de maio, estamos um pouco descansados​ e mais seguros. Por enquanto, adotando as medidas cabíveis​”, disse o comissário.

Publicidade

Jabini visitou onze aldeias no total. “Uma coisa é certa, os moradores precisam de ajuda porque seus campos agrícolas foram inundados. Está tudo destruído”, confirmou. O governo, por outro lado, enviou suprimentos para as famílias e um auxílio no valor de SRD 1.000.

“Eles receberam arroz, óleo, frango, papel higiênico e outros produtos urgentes. Eles também são abastecidos com água, porque as enormes chuvas e inundações fizeram com que faltasse água potável. As mercadorias são destinadas para duração de uma semana”, concluiu.

 

 

 

Comentar

Comentar