Por meio de uma conferencia de imprensa, a liderança sindical anunciou o início de uma nova greve dos professores.

Wilgo Valies – BVL (Foto: Luiz Paulo)

O líder sindical Wilgo Valies, anunciou na quinta-feira (28) uma nova paralisação a partir desta quinta-feira nas escolas do Suriname.

Publicidade

Depois que os membros da Associação de Professores (BVL) e da Aliança de Professores do Suriname (ALS) esperaram por quase um mês para que o governo cumprisse sua parte no acordo, decidiram entrar em greve mais uma vez. De acordo com a decisão tomada pela liderança sindical, todos os professores ligados a BVL e a ALS vão cruzar os braços a partir das 10:00 hs desta quinta-feira nas escolas em Paramaribo.

Os professores mais uma vez querem chamar a atenção para os muitos problemas enfrentados por eles e as dificuldades encontradas para que o governo reconheça os seus direitos.  “A situação é tão grave que fomos obrigados a tomar esta decisão”, anunciou Valies durante a conferência de imprensa na última quarta-feira em Paramaribo.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar