A Associação dos pequenos Varejistas do Suriname (VVW) diz que está havendo uma concorrência desleal no comercio do Suriname.

De acordo com o vice-presidente Jozef Ling Nget Tet, os grandes supermercados estão se multiplicando como os cogumelos no solo, impedindo  a sobrevivência das pequenas lojas varejistas.  O comerciante foi forçado a fechar sua loja loja na esquina da Rua Sterappelstraat por causa da concorrência desleal com dois grandes supermercados que foram abertos dentro de seis meses no mesmo bairro.

Publicidade

A associação de varejistas culpa o governo que tem emitido licenças sem controle para estes grandes supermercados e não tem olhado para os pequenos varejistas que também pagam seus impostos. “Infelizmente, nada acontece “, disse Lin Nget Tet neste sábado,6 de junho.

Lin Nget já ligou para o Departamento de Comércio e Indústria (HI) pedindo providencias contra o número de grandes lojas e supermercados que estão florescendo nos bairros. Há trinta anos atrás as autoridades concederam licenças para cinco lojas na vizinhança e Ling Nget Tet  diz que ainda há o mesmo número de pessoas no bairro, mas agora o número de lojas e supermercados é muito maior.

A Associação de Varejistas vai entrar com uma ação contra o órgão do governo que está emitindo as licenças sem controle.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar