O governo quer aumentar drasticamente as taxas sobre licenças de armas de fogo no Suriname.

A alteração da lei começou a ser discutido na última segunda-feira na Assembléia Nacional (DNA).

Publicidade

 

Rossellie L. Cotino, (NDP), presidente da comissão sobre o debate público do projeto de lei, disse que o governo tem interesse na aprovação do aumento das tarifas com o objetivo de proteger a propriedade e os bens e garantir a segurança da prática de caça esportiva. “A segurança dos civis é a principal responsabilidade do governo”, disse Cotino.

As alterações previstas neste projeto para aumentar o custo dos serviços para a obtenção do porte de armas de fogo será investido na segurança dos próprios cidadãos. A Comissão de Relatores acredita que a Lei de Armas de Fogo deve ser totalmente modificada e durante as várias reuniões da comissão, também foram discutidas as mudanças mais necessárias que podem ser diretamente incluídas nesta alteração.

“O reajuste tarifário proposto é extremamente alto e levanta muitas questões”, disse Cotino. A comissão quer saber qual a lógica por trás dessas mudanças. A comissão também está buscando um aumento de taxas justo que seja acessível para o cidadão comum que quer proteger sua propriedade e bens, ou que queira proteger-se por razões de segurança.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar