Cerca de 172 países estão envolvidos no plano da Organização Mundial da Saúde (OMS), batizado de Covax, desenvolvido para garantir acesso igualitário a vacinas contra a Covid-19, disse a OMS nesta segunda-feira (24), mas mais financiamento é urgentemente necessário e os países devem fazer compromissos vinculantes.

“Inicialmente, onde haverá fornecimento limitado (de vacinas contra covid-19), é importante dar a vacina àqueles em maior risco ao redor do globo”, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Gebreyesus, em briefing à imprensa.

Publicidade

A (OMS) pediu nesta segunda-feira (24) para os países aderirem ao seu plano para garantir o acesso equitativo às vacinas contra covid-19 para que possam trabalhar juntos de forma coordenada.

Bruce Aylward, conselheiro sênior do diretor-geral da OMS, disse em uma coletiva de imprensa que “o importante é garantir que alguma vacina chegue a todos os países o mais cedo possível”.

Fonte: R7

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar