O presidente Desi Bouterse, realizou na sexta-feira, reuniões de orientação com grupos estratégicos dentro da sociedade.

Ele falou com as lideranças da Saúde e também do Trabalho Infantil. A Associação Geral de Empreiteiros (AAV Algemene Aannemers Vereniging) foi ouvida pelo presidente sobre pontos de vista no que se refere ao futuro do país.

O chefe de Estado falou ainda com o Comitê Olímpico do Suriname (SOC Surinaams Olympisch Comité) e alguns representantes do comércio. No dialogo foi falado ao presidente para levar em conta a difícil situação financeira em que o país está e o cuidado para que não haja um congelamento no desenvolvimento econômico do país. Isto não só irá garantir que os setores produtivos fiquem paralisados, mas também irá leva-los à falência, se o país não controlar os gastos.

A (AAV) também se referiu ao atraso nos pagamentos do Estado. De acordo com Anthony Wong, presidente da (AAV), a dívida que o Estado tem com os membros do (AAV) é de SRD 200 milhões. Ao presidente Bouterse foi feita uma apelação para à aceleração dos pagamentos porque os empreiteiros estão desesperados e demitindo funcionários, a fim de sobreviver no mercado. Segundo a (AAV), fazer negócios com os bancos agora também já não funciona.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar