O fato inusitado foi registrado pela polícia esta semana em Paramaribo. 

Na terça-feira, 5 de julho, a Central de Chamadas da Polícia recebeu uma ligação informando sobre um caso de agressão em família.

Publicidade

Uma viatura foi designada para o local da ocorrência e ao chegar no endereço indicado, os policiais encontraram mãe e filha. A mãe estava sangrando com um ferimento na cabeça e disse para os policiais que sua filha, Sabina D, de 32 anos de idade, a agrediu com uma martelada na cabeça porque sua neta estava tirando notas baixas na escola.

Ainda na residência da família, a vítima contou para a polícia que a filha agressora não cumpre com suas obrigações de mãe deixando a criança sob a responsabilidade da avó. A avó da menina disse ainda que foi agredida com uma martelada na cabeça porque disse para a filha que já estava velha e não tinha obrigação de cuidar da neta.

Sabina, a filha ingrata e irresponsável, foi presa imediatamente e levada para a delegacia onde vai responder por agressão e maus tratos a sua mãe, enquanto a vítima foi levada para o abrigo de idosos “Libi Makandra” onde recebeu atendimento médico.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar