Mesmo com apenas dez casos confirmados e sem nenhum novo registro desde o mês passado, o governo do Suriname prorrogou as medidas de isolamento social e bloqueio parcial dos serviços não essenciais por mais 14 dias. A medida, segundo a Segurança Nacional, é para garantir o cenário favorável em relação a Covid-19.

“O governo viu que as medidas implantadas funcionam para que o número de casos positivos permaneça em 10. No entanto, isso não significa que o Suriname possa retornar ao caminho normal abrindo todas as fronteiras novamente”, disse Danielle Veira, da diretoria de Segurança Nacional.

Publicidade

Leia também:

Danielle Veira enfatiza que as medidas não existem para complicar as pessoas. “Não estamos tão longe, desde que não tenhamos uma situação em que as pessoas possam aderir a essas medidas por conta própria. Manter os dois metros de distância, ficar em casa e lavar as mãos”, disse, sobre as medidas de segurança.

Foto: NII

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar