Politiewagen — Foto: Luiz Paulo

Um caso de amor e ódio, com uma pitada criminosa. A polícia do Surimane prendeu um homem acusado de maltratar a esposa. Com ele também foram aprendidos entorpecentes. A ocorrência foi registrada no último sábado, dia 20, em Henar, no distrito de Nickerie.

O marido é B.D, de 50 anos, conhecido como “Skero”. A vítima tem 39 anos. Os filhos, menores de idade, que pediram ajuda para salvar a vida da mãe. Os policiais foram até a casa da família e encontraram o casal em uma briga. Ambos foram encaminhados á delegacia.

Publicidade

Em depoimento, a mãe, que informou residir com o marido e quatro filhos menores, disse que a briga teria acontecido por supostamente terem vazadas fotos íntimas. O marido, que estaria sob o efeito de drogas, acabou “surtando” e iniciando a sessão de tortura.

A esposa entregou à polícia dois pacotes de cocaína, que seriam do marido. O agressor foi encaminhado à prisão depois que o Ministério Público do Suriname determinou a prisão preventiva. Ele vai responder pelos crimes e ficará em custódia até o encerramento das investigações.

 

Comentar

Comentar