Foto: Divulgação

Originalmente previsto para esta sexta-feira, 22, o lançamento do foguete Ariane 5 foi abortado. O veículo partiria do Centro Espacial de Kourou, na Guiana Francesa, e levaria o satélite SES-17 e Syracuse 4A, do governo francês.

Segundo a Arianespace, companhia responsável pelo foguete, o motivo do cancelamento foi a necessidade de “checagens adicionais no equipamento de suporte em terra”. A empresa está promovendo investigações para identificar uma nova data de lançamento para o voo VA255.

Publicidade

O lançamento era muito aguardado pela operadora SES, uma vez que o satélite SES-17 deverá trazer grande capacidade adicional de banda Ka para a empresa. O foco inicial é na conexão embarcada em aviões (IFC), com a Thales Aviation como cliente âncora, mas há intenção de fornecer conectividade também para outras verticais como o governo no Brasil, uma vez que o artefato terá 100% de cobertura nacional.

Comentar

Comentar