A juíza Sieglien Wijnhard, em uma audiência na terça-feira, 27 de janeiro, sobre o processo de acusação de roubo e receptação contra Sergio O., foi decidido pela juíza que o acusado permanecerá preso.

Mesmo com o pedido do advogado Benito Pick, que pediu liberdade provisória para o acusado, o pedido foi rejeitado pela juíza. Os dois comparsas de Sergio O., Randy O. e Ewald F. estão em liberdade.

Publicidade

De acordo com o advogado Benito, as acusações contra os três suspeitos são iguais e ele acha injusto que seu cliente continue preso. O advogado está convencido de que não há provas suficientes para incriminar o seu cliente por roubo. Na melhor das hipóteses a punição para receptador poderia ser imposta ao suspeito. O advogado do acusado acredita que o período em que seu cliente já passou na prisão, é mais do que o máximo que o suspeito poderia ter recebido por receptação.

No entanto, o Ministério Público tem uma visão diferente. O promotor disse que há sérias objeções contra o suspeito. Foram encontrados objetos roubados em sua casa e ele mesmo fez declarações contraditórias, por isso o tribunal determinou que deve permanecer preso.

No dia 24 de fevereiro, o caso passará por mais uma audiência judicial.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar