Com a mudança, 2,4 milhões de jovens poderão ir às urnas nas próximas eleições.

O Parlamento japonês aprovou nesta quarta-feira um projeto de lei que propõe a redução de 20 para 18 anos a idade mínima para votar no país.

Publicidade

A mudança na legislação eleitoral dará o direito de voto a 2,4 milhões de jovens. Eles vão se somar aos atuais 104 milhões de eleitores do Japão, reporta o jornal americano Wall Street Journal.

A medida visa a aumentar o interesse dos jovens pela política, uma vez que menos de um terço dos japoneses com menos de 30 anos votou nas eleições gerais do ano passado – o voto não é obrigatório no país.

A última alteração nas regras eleitorais do Japão ocorreu em 1945, quando as mulheres ganharam o direito de ir às urnas e a idade mínima passou de 25 para 20 anos.

 

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Veja

Comentar

Comentar