Muitas comunidades continuam sendo afetadas pelas inundações no interior do Suriname, principalmente as localizadas abaixo da barragem de Afobaka, que precisou ter as comportas abertas para dar vazão à grande quantidade de água em seu reservatório, as quais estão há semanas com terrenos inundados e com algumas casas cobertas pela enchente.

Mas não apenas as comunidades que vivem próximas de Afobaka foram afetadas. O nível da água de afluentes e braços do rio Marowijne no leste e no sudeste do país também subiu e comprometeu várias localidades, as quais ficaram submersas.

Publicidade

Mesmo nas áreas mais altas, as enchentes afetaram a vida dos moradores. Lojas de departamentos, casas, terrenos agrícolas e outros locais sofrem com as inundações.

Nesta semana, o governo do Suriname anunciou a criação de um fundo de emergência para ajudar no combate aos danos causados pela água nas comunidades do interior.

Comentar

Comentar