De acordo com a polícia, o homem foi preso em flagrante por furto de energia no resort de Livorno.

O relatório da polícia informa que Leroy D., de 34 anos de idade, foi preso na segunda-feira, 12 de fevereiro.

Publicidade

Um funcionário da empresa de Energia do Suriname (EBS) que fazia uma investigação na área sobre furto de energia constatou a irregularidade e comunicou o fato á polícia que imediatamente destacou uma viatura para o local. Na residência do acusado, os policiais encontraram um cabo que puxava energia direto do poste para a casa do acusado caracterizando o crime de furto de energia elétrica. Após o flagrante, o acusado foi conduzido para a delegacia onde perante a autoridade policial disse que por não ter como pagar as contas atrasadas de energia, primeiramente começou a receber energia da casa dos vizinhos e depois resolveu fazer a ligação clandestina.

A polícia faz um apelo à sociedade para que denuncie os casos de furto de energia na vizinhança e alerta que todos que desrespeitarem a lei furtando energia, serão responsabilizados perante a lei. A EBS tem alertado a sociedade para que denuncie os casos de furto de energia através de sua linha gratuita na qual o denunciante não é obrigado a se identificar.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar