Polícia foi chamada e prendeu o acusado em flagrante

Uma confusão aparentemente banal quase acaba em tragédia no último dia 14 de agosto, na Verlengde Picassostraat. Incomodado com a luz do apartamento ao lado, Mehmet K., de 46 anos, atirou contra o vizinho que não atendeu ao pedido para desligar a iluminação. A Polícia de Geyersvlijt prendeu o acusado em flagrante.

Em depoimento à polícia, o vizinho declarou que ouviu os tiros por volta da meia noite e foi até a rua para ver o que estava acontecendo. Nesse momento, encontrou Mehmet, que o ameaçou dizendo que faria novos disparos caso não atendesse a solicitação de desligar a iluminação de seu apartamento, porém, Mehmet apertou o gatilho outra vez.

De acordo com a Polícia, os tiros não chegaram a atingir ninguém e Mehmet não tinha porte de armas. Mesmo assim, duas foram encontradas em sua casa, incluindo um rifle. O Ministério Público manteve a prisão preventiva do acusado por tentativa de homicídio culposo, ameaça, destruição e posse ilegal de armas de fogo. O caso segue sendo investigado.

Foto: LPM

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar