O guyanes de 38 anos de idade, Imran R., conhecido como “Baccus” foi preso na segunda-feira, 3 de novembro, pela polícia do Suriname, acusado de falsificação e fraude. 

Imran R. é suspeito de fraude, estelionato e falsificação de documentos. O acusado causou prejuízo financeiro a várias pessoas, falsificando extratos bancários pessoais para despertar em suas vítimas a impressão de que ele tinha recebido grandes quantias de dinheiro do exterior. Ele usava isto para conseguir dinheiro de suas vítimas.

Publicidade

As investigações preliminares indicam que Imran R. conseguiu tirar de suas vítimas mais de Srd 200.000. Além disso, pesam contra Imran, acusações de falsificação de documentos também na Guiana.

O guyanes também estava em situação ilegal no Suriname.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar