O governo do Suriname estuda possibilidades se, durante as novas avaliações do cenário de saúde, constatar que a Covid-19 não está mais gerenciável. Uma das alternativas é revisar a quarentena doméstica, já que atualmente quem testa positivo para o vírus é internado ou colocar em isolamento pelo estado.

Durante a reunião de imprensa regular da equipe de gerenciamento da Covid-19, Cleopatra Jessurun, diretora de saúde, declarou que havia recebido informações dos epidemiologistas de que a situação ainda é administrável. Atualmente, 78 pessoas estão internadas no Hospital de Wanica.

Publicidade

Desse total, três estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Outros dois pacientes estão na UTI do Hospital St. Vincent. Outras 50 pessoas estão no Residence Inn. O Suriname tem 157 casos ativos da Covid-19 e já realizou 1452 testes da doença, o que representa mais de 10% de infectados.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar