Evolução do garoto, de 14 anos, tem deixado orgulhosa a comunidade brasileira no Suriname.

Viver em um novo país implica em várias mudanças, sobretudo, em conhecer e se adaptar a uma nova cultura, bem como aprender uma língua sem nenhuma familiaridade. Foi exatamente isso que aconteceu com o brasileiro Fernando Moraes dos Reis, de 14 anos, mas que mora há seis no Suriname.

Desde que chegou a Paramaribo, o garoto enfrenta as dificuldades com a língua holandesa, mas vem conseguindo superar desafios e deixando orgulhosa a comunidade brasileira, além dos professores e colegas de classe na escola pública Geyersvlijt, onde estuda.

“Não foi fácil”, relembra o garoto, que foi colocado, quando desembarcou em solo surinamês, na terceira série. Lá ele ficou por dois anos até ser deslocado para quarta por conta da idade. “Eu não sabia falar bem o holandês, mas entendia um pouco”.

Com um pouco mais de conhecimento da língua, Fernando então conseguiu evoluir os estudos em classe, inclusive, as minúcias de cada disciplina. “Quanto mais eu entendia, mais eu melhorava”. Ainda hoje, o menino ainda não é fluente no holandês, mas segue empenhado no aprendizado, agora, na sétima série.

Foto: LPM

Deixe seu comentário abaixo.