Um desentendimento um tanto quanto inusitado chamou a atenção no último domingo (17). O dono de uma casa de apostas denunciou uma funcionária por usar dinheiro da própria empresa para apostar.

No relato do empresário, a jovem de 21 anos teria dito que iria utilizar 2500 SRD como um empréstimo para um vizinho. No entanto, o destino do dinheiro seria as apostas e o valor real do desfalque seria de 3500 SRD.

Ao ser descoberta, a mulher teria se afastado das atividades na empresa e o empresário fez a denúncia à polícia. Ela foi intimada e compareceu à delegacia para prestar esclarecimentos.

Como não possuía condições de devolver o valor extraviado ao empresário, a jovem seria presa. No entanto, a mãe da mulher se comprometeu a pagar integralmente os danos provocados pela filha e ela foi liberada.

Comentar

Comentar