A tripulação de oito flutuantes foi removida por soldados surinameses e franceses durante patrulhas conjuntas nos rios Marowijne e Lawa. Todos eram estrangeiros ilegais e foram orientados a procurarem os órgãos para realização dos trâmites para se tornarem residentes.

A força-tarefa foi realizada na área de Snesi Kondre, Papaїchton e Providence e aconteceu até o último dia 14 de maio. Além do crime invasão de divisas, as autoridades também atuaram no sentido de combater os mineiros ilegais de ouro, especialmente no rio Marowijne.

Publicidade

A ministra da Defesa, Krishna Mathoera, disse que “o ministério está comprando dois novos barcos para aumentar o patrulhamento em águas interiores. Como não temos barcos em condições de navegar, não podemos fazer isso no momento. É por isso que a Guarda Costeira tem atuado”, concluiu.

Comentar

Comentar