A trágica história da brasileira que foi picada por uma cobra em um garimpo do Suriname e está desenganada pelos médicos na Guiana Francesa, chegou até o jornal LPM NEWS através de contato com a família no Brasil.

Conversamos com o filho da brasileira através do aplicativo de mensagens WhatsApp na manhã desta quarta-feira (28) que nos contou com detalhes sobre a situação trágica que sua mãe enfrenta em um hospital na cidade de Caiena, na Guiana Francesa.

Publicidade

Rômulo Péricles Varela Gomes, que mora na cidade de Belém do Pará, relatou que sua mãe Maria Goreth da Silva Varela (Foto), de 48 anos de idade, veio para o Suriname há mais de 10 anos e sempre trabalhou nos garimpos até ser picada por uma cobra venenosa no mês passado. Após ser socorrida, a brasileira ficou internada no hospital em Saint Laurent e depois disso Maria Goreth teve uma piora considerável e foi transferida para a cidade de Caiena onde permanece internada na UTI daquele hospital até a presente data.

Rômulo, que é o filho mais velho da brasileira, contou ainda que nos últimos dias foi procurado por uma enfermeira que trabalha no hospital em Caiena que informou que o quadro clínico de sua mãe é irreversível. Segundo informações do hospital em Caiena, os rins e o cérebro de Maria Goreth pararam de funcionar e a brasileira está sendo mantida viva por meio de aparelhos.

Recebemos a informação de que a direção do hospital em Caiena está solicitando a presença de alguém da família na Guiana Francesa para que uma decisão seja tomada quanto ao caso da Sra. Maria Goreth. “Os médicos em Caiena mandaram um documento autorizando a minha entrada na Guiana Francesa para ver a minha mãe, mas a família está passando por dificuldades financeiras e não temos como custear minha passagem e minha estadia naquele país. Preciso de ajuda financeira para ir o mais rápido possível até Caiena para ver o real estado em que minha mãe se encontra”, disse o filho Rômulo através do WhatsApp á redação do jornal LPM NEWS.

O jornal LPM NEWS está apoiando esta campanha de solidariedade promovida por amigos e familiares da brasileira Maria Goreth da Silva Varela (Foto) para arrecadar fundos para a viagem do filho até a cidade de Caiena. Maria Goreth está enfrentando uma batalha pela vida e contra o tempo. Os médicos disseram que o quadro médico é irreversível, mas para Deus nada é impossível. A comissão médica em Caiena pede a presença de alguém da família para autorizar o desligamento do aparelho respiratório e a família tem medo que isso aconteça sem alguém da família lá. “Temos a esperança em Deus e acreditamos que Maria Goreth ainda está lutando bravamente pela vida, por isso pedimos a sua ajuda, pois caso o pior aconteça nossa amiga será enterrada como indigente naquele país e não queremos que isso aconteça”, disseram um grupo de amigos que moram no Suriname.

Se você quiser e puder contribuir com qualquer quantia, entre em contato diretamente com o Rômulo Péricles Varela Gomes através do telefone +55 91 8174-4520 (Zap) que estará fornecendo o número da conta bancária para depósito. A família no Brasil agradece a boa vontade e a solidariedade de todos que puderem ajudar.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar