A brasileira morava há muitos anos no Suriname e estava fazendo tratamento em um hospital em Paris, na França. 

A liderança da Igreja Batista Renovada no Suriname, na pessoa do apóstolo Clóvis Cunha, procurou o jornal LPM NEWS para informar o falecimento e pedir ajuda á comunidade brasileira no Suriname.

Publicidade

Segundo informou o apóstolo Clóvis Cunha na tarde desta quarta-feira (22), a brasileira Maria Madalena Vaz Lopes, de 48 anos de idade, vinha sofrendo de uma doença conhecida como Esclerose sistêmica e faleceu no dia 17 de agosto no hospital de Paris onde lutava contra a doença.

A “irmã Madalena” como era chamada carinhosamente por grande parte da comunidade brasileira no Suriname, era membro da Igreja Batista Renovada no Suriname e casada com o missionário Jean que pertence a mesma denominação evangélica. Devido a escassez de recursos financeiros da família, os amigos e irmãos em Cristo se uniram para levantar recursos para levar o corpo para o Brasil.

Quem quiser fazer parte desta corrente de solidariedade pode entrar em contato diretamente com o apóstolo Clóvis Cunha pelo telefone (+597) 727-9792 ou com o missionário Jean (esposo) pelos telefones  (+597) 818-7424 ou (+597) 877-3390.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar