Foto: Reprodução

A Exxon Mobil Corp não encontrou petróleo em seu primeiro poço de uma nova área exploratória na costa do nordeste do Brasil, confirmou a empresa nesta segunda-feira, em mais um revés para a produtora norte-americana no país.

A Exxon elegeu o Brasil como uma de suas três principais apostas para elevar a produção futura da empresa, depois da Guiana, Suriname e da produção em terra nos EUA. Caso a perfuração tivesse sido bem sucedida, seria a primeira descoberta da Exxon como operadora no Brasil.

Publicidade

A informação sobre o poço seco no chamado prospecto Cutthroat, na Bacia de Sergipe-Alagoas, veio inicialmente da petroleira brasileira Enauta. Na semana passada, a americana Murphy Oil Corp, terceira sócia no empreendimento, anunciou que a área poderia render até 1 bilhão de barris de petróleo e gás.

Murphy não comentou imediatamente a informação. Na semana passada, a companhia disse que os custos de perfuracao do prospecto eram relativamente baixos. As ações da Enauta caíram quase 6% após a declaração de que nenhum indício de petróleo ou gás tenha sido encontrado no poço 1-EMEB-3-SES.

A Exxon disse que continua comprometida com suas operações no Brasil, que incluem participação em 28 blocos no mar.

“Embora não tenhamos encontrado hidrocarbonetos neste poço de exploração específico (Cutthroat-1), a ExxonMobil continuará a integrar os dados de nossas descobertas nos esforços regionais de interpretação de subsuperfície para entender melhor o potencial de exploração do bloco”, disse a porta-voz da Exxon, Meghan Macdonald.

Comentar

Comentar