Foto: Petrobras

A TGS, fornecedora global de dados e inteligência de energia, em consórcio com CGG e BGP, anunciou hoje a assinatura de um acordo multicliente com a Staatsolie, empresa estatal líder no desenvolvimento de a indústria de energia na República do Suriname. O acordo permite que o consórcio adquira, promova e licencie programas sísmicos de múltiplos clientes, incluindo nova aquisição 3D e reprocessamento de dados legados, na área de águas rasas na costa do Suriname.

A área superficial offshore do Suriname inclui três blocos recentemente concedidos, e a área aberta atual está programada para ser oferecida em uma rodada de licitação competitiva para 2023. Os novos dados sísmicos dos programas multiclientes do consórcio serão fundamentais para delinear com precisão a prospectividade e o potencial deste área subexplorada e está na tendência com as recentes descobertas materiais anunciadas no prolífico bloco 58.

Publicidade

Existem planos para começar a adquirir os novos dados sísmicos 3D na área offshore rasa a partir do 4º trimestre de 2021, com os primeiros produtos sendo disponibilizados durante o primeiro semestre de 2022. Kristian Johansen, CEO da TGS, comentou: “Temos o prazer de anunciar a entrada no Suriname para continuar a avaliação bem-sucedida do potencial da região. Com este emocionante contrato de múltiplos clientes, o consórcio desempenhará um papel fundamental no incentivo e aprimoramento da exploração futura no Suriname, ajudando nossos clientes a reduzir o risco de suas oportunidades de investimento ”.

Comentar

Comentar