O empresário chinês Julong Z., de 33 anos, que atirou contra um assaltante na sexta-feira (14), foi libertado nesta terça-feira (19) durante sua audiência de custódia. A advogada do empresário alegou que ele agiu em legítima defesa.

De acordo com a advogada, os roubos e demais crimes contra comerciantes chineses aumentou nos últimos tempos.

Publicidade

Na madrugada de quinta-feira, 14 de abril, Jurgen R., de 41 anos, invadiu a propriedade do empresário. Isso aconteceu por volta das 5h em uma loja em Indira Gandhiweg, no Suriname.

Julong acordou depois de ouvir barulhos. Ele olhou por imagens da câmera de segurança e viu um homem no prédio. O homem de 33 anos pegou uma arma e disparou contra o assaltante.

Comentar

Comentar