Se depender da comissária distrital de Wanica sudeste, Audrey Hankers e do Corpo de Bombeiros do Suriname, o ano de 2018 vai encerrar sem acidentes com fogos de artifício.

A informação foi compartilhada pelo Instituto Nacional de Informação (NII) na terça-feira, 18 de dezembro.

Publicidade

A comissária distrital Audrey Hankers juntamente com o Corpo de Bombeiros do Suriname (KBS), estão trabalhando duro para reduzir o número de acidentes com fogos de artifício. Na terça-feira (18), iniciou o período em que será realizado um trabalho de conscientização sobre os fogos de artifício. O período de liberação para vendas e uso de fogos de artificio começa a partir do do dia 27 de dezembro e dura até 2 de janeiro.

O lançamento desta ação aconteceu no distrito de Wanica, pois neste distrito, há uma grande concentração de empresários que vendem fogos de artifício. De acordo com a prefeitura de Wanica, mais de 150 pontos de venda foram fiscalizados e registrados.

Para os jovens em particular, esta campanha de conscientização é bem-intencionada, porque este grupo está aprendendo lições importante sobre como lidar de maneira segura com os fogos de artifício. Olton Pinas, oficial de informação do KBS, disse que o número de vítimas diminuiu muito nos últimos dois anos. Em 2016 foram 25 e em 2017, apenas 12. Para 2018 o objetivo é que não haja nenhum acidente com fogos de artifício.

Pinas está convencido de que, se todos observarem as dicas do Corpo de Bombeiros, não haverá erros ao se divertir com fogos de artifício.

Foto: NII

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar