O mundo ultrapassou os 500 casos de varíola dos macacos fora da África na 2ª feira (30.mai.2022). Já são 568 infectados em 24 países, até o meio-dia desta 3ª feira (28.mai). O Brasil ainda não tem casos confirmados, mas está analisando 3 suspeitas da doença. Esse é o maior surto fora do continente já registrado.

Os dados são do Global.health Monkeypox, que monitora os números divulgados por cada nação. As suspeitas brasileiras foram registradas no Ceará, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A informação consta em um boletim do Ministério da Saúde divulgado na manhã desta 3ª feira, com dados até o dia anterior. Eis a íntegra (1 MB).

Publicidade

O 1º caso na América do Sul foi confirmado na Argentina na 6ª feira (27.mai.2022). Por enquanto, esse é o único país da região com infectados. Mas Bolívia e Guiana Francesa, além do Brasil, também lidam com suspeitas. O país com mais infectados é o Reino Unido (190), seguido de Espanha (120) e Portugal (96). A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) orientou medidas, como uso máscaras, higienização das mãos e distanciamento, em aviões e aeroportos para evitar a circulação do vírus no Brasil.

Comentar

Comentar