Menino que teve uma mão e um pé decapitados fotografou o terrorista antes de ser mutilado.

Conhecido como “A Escavadeira”, este terrorista de aproximadamente 127 kg está aterrorizando as áreas dominadas pelo Estado Islâmico no Iraque com suas decapitações em praça pública.

Publicidade

Em diversos vídeos divulgados pelo grupo terrorista Estado Islâmico, o extremista aparece decapitado homens, crianças e adolescentes desarmados. Apesar de sempre aparecer de máscara, o carrasco foi identificado como Mohammed Emwazi

Na semana passada, um menino sírio de 14 anos de idade contou como o carrasco decepou sua mão e seu pé, depois de ele ter se recusado a entrar para as fileiras do Estado Islâmico

O menino havia sido capturado lutando por um grupo rebelde e foi torturado por mais de um mês pelos membros do Estado Islâmico. Ele disse que o carrasco reuniu um grande grupo de crianças para assistir à sua punição cruel

— Eles colocaram a minha mão em um bloco de madeira e deceparam com uma faca de açougueiro. Em seguida, eles cortaram meu pé

O adolescente diz se lembrar de ver sua mão e pé desmembrados, com uma multidão de pessoas observando sua punição. Ele conseguiu fotografar o carrasco antes da aplicação de sua pena. A imagem mostra “A Escavadeira” vestido inteiramente de preto e segurando sua espada afiada

A primeira vez que o carrasco de 127 kg ganhou destaque foi em junho de 2014, quando uma imagem sua segurando o que parece ser uma metralhadora Browning de 52 kg foi divulgada na internet

O armamento costuma ser usado para abater aeronaves leves, e é feita para ser montada em torres, tanques ou estruturas fixas

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: R7

 

Comentar

Comentar