— Foto: Polícia Civil/Divulgação

Um brasileiro foi preso na Guiana Francesa durante investigação por estupro e ameaça uma adolescente de 12 anos, também brasileira. A detenção ocorreu após intermediação da polícia do Amapá, que conseguiu ouvir a vítima em terras amapaense.

A prisão ocorreu na quarta-feira (9), mas as informações foram divulgadas nesta segunda-feira (14) pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) do município de Oiapoque, na fronteira com a Guiana Francesa.

Publicidade

Uma denúncia chegou à polícia brasileira de que a vítima estava sendo coagida a ter relações sexuais com o homem investigado e que, se ela contasse para alguém, a mãe dela seria morta.

O Gabinete de Acolhimento da Mulher, Criança e Adolescente, integrada pela Polícia Civil e outros órgãos de segurança pública e assistência social, localizou a adolescente em Saint Georges, na Guiana Francesa, onde os dois moram e onde os crimes ocorreram. Ela viajou até Oiapoque, encontrou a equipe e relatou o caso.

“Mediante a confirmação desse crime hediondo, nós acionamos o Centro de Cooperação Policial. Mediante nossas informações e o encaminhamento da vítima que relatou todo o abuso sexual, a polícia francesa, numa resposta rápida, instaurou inquérito policial e prendeu este sujeito por esse crime, e atualmente se encontra preso em Caiena aguardando a conclusão da investigação”, declarou o delegado Charles Corrêa.

A identidade do homem não foi divulgada. A Polícia Civil acredita que, com esta prisão em cooperação, outros casos que vitimam brasileiros possam ser solucionados em território francês com participação das equipes amapaenses.

Comentar

Comentar