Foto: Facebook/Irfaan Ali

Terceiro na linha sucessória do comando do país, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), deve assumir a Presidência da República na próxima semana.

O senador mineiro assumirá o cargo temporariamente no lugar do presidente Jair Bolsonaro, que viajará em 6 maio para a Georgetown, capital da Guiana, para uma visita oficial àquele país.

Publicidade

Pacheco será alçado ao posto porque os que o antecedem na linha sucessória do Brasil não podem assumir o Palácio do Planalto até as eleições de outubro, para não se tornarem inelegíveis.

O primeiro da linha é o vice-presidente Hamilton Mourão (Republicanos). O general é pré-candidato ao Senado pelo Rio Grande do Sul e, durante a viagem de Bolsonaro, se “refugiará” no Uruguai.

Comentar

Comentar