Yvonne Adkins, de 32 anos, deixou sua filha de três meses de vida sozinha por nove horas, enquanto ela estava tendo uma sessão de relações íntimas com um homem do qual havia conhecido há apenas duas semanas atrás, em um ponto de ônibus. A bebê Chantelle, que sofria de refluxo, faleceu.

Segundo o site SWNS, Yvonne havia tomado uísque antes de encontrar Peter, seu novo parceiro, e estaria bêbada durante o ato. A polícia prendeu a mãe de Chantelle nesta terça-feira (11) em Staffordshire (Inglaterra), e ela será supervisionada pelo período 18 meses.

Publicidade

O juiz do caso, David Fletcher, após a sentença, falou para Yvonne: “você tomou uma decisão catástrófica e terá de conviver com isso pelo resto de sua vida”.

Deixe seu comentário abaixo.

Fonte: Uol

Comentar

Comentar