Boeing 767-300 pousou com sucesso, segundo órgão espanhol. Companhia canadense informou que avião teve problema em um dos motores, mas há informação de danos no trem de pouso.

Um avião da companhia Air Canada fez com sucesso nesta segunda-feira (3) um pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Barajas, em Madrid, confirmaram autoridades espanholas. Ninguém se feriu.

O voo saiu da capital da Espanha às 14h30 (10h30 em Brasília) rumo a Toronto. A tripulação percebeu o problema menos de uma hora depois da decolagem e passou cerca de cinco horas sobrevoando o espaço aéreo espanhol para gastar combustível antes da aterrissagem.

Publicidade

Segundo a empresa aérea do Canadá, a aeronave, um Boeing 767-300, apresentou problemas em um dos motores. Imagem da agência Reuters, porém, mostra um defeito no trem de pouso também, com um dos pneus danificados.

Por enquanto, não há informação sobre o que teria causado os danos ao motor ou ao trem de pouso. “A aeronave, um Boeing 767-300, é feito para operar com um motor, e nossos pilotos estão completamente treinados para essa eventualidade”, disse a Air Canada, em nota obtida pela agência Reuters.

“Mesmo assim, uma emergência foi declarada para obter prioridade no pouso”, disse a companhia.

O Enaire — órgão responsável pelo controle do espaço aéreo espanhol — confirmou que o pouso deve ocorrer por volta das 19h15 (15h15 em Brasília). Bombeiros e equipes de emergência estão no Aeroporto de Barajas para acompanhar a aterrissagem.

O “El País” reproduziu vídeo de um passageiro que está dentro do Boeing 767. Pela imagem, é possível ver um avião militar que acompanhava o Boeing da Air Canada antes do pouso. Segundo relatos enviados ao “El País”, não há pânico na aeronave.

Fonte:G1

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar