Antonov An-225 Mriya — Foto: Luiz Paulo

Um ataque da Rússia destruiu o maior avião de carga do mundo, o Antonov-225 Mriya. A informação foi confirmada pelo ministro das Relações Exteriores da Ucrânia, Dmytro Kuleba, neste domingo, 27, nas redes sociais. Ucraniano, o fabricante disse que a restauração pode custar mais de 3 bilhões de dólares.

Publicidade

“Esta foi a maior aeronave do mundo, AN-225 ‘Mriya’ (‘Sonho’ em ucraniano). A Rússia pode ter destruído nosso ‘Mriya’, mas nunca poderão destruir o nosso sonho de um Estado europeu forte, livre e democrático. Vamos prevalecer”, escreveu Kuleba no Twitter.

O ataque aconteceu no aeroporto de Hostomel, perto de Kiev. O Antonov An-225 Mriya, além de ser o maior avião do mundo, a aeronave permitia que cargas grandes e pesadas, impossíveis de serem embarcadas em outros modelos, fossem transportadas de forma rápida e para qualquer parte do planeta.

Suriname

O An-225 esteve no Suriname em fevereiro de 2010 e em novembro de 2016. Acompanhe no vídeo abaixo um registro, feito por Akash Niddha, do momento em que o gigante de seis motores pousou no Aeroporto Internacional Johan Adolf Pengel.

Onde quer que pousasse, o avião atraía grupos de entusiastas, que se mobilizavam para registrar o pouso do gigante da aviação.

Comentar

Comentar