Suriname não possui leis que regulamentam o uso de drones

Suriname não possui leis que regulamentam o uso de drones

Ferdinand Welzijn, ministro temporário da Justiça e Polícia, disse que o Suriname precisa de uma lei que regulamente o uso de drones  no país.

Ferdinand Welzijn – Ministério Comércio e Indústria (HI) (Foto: Luiz Paulo)

Welzjin afirmou na segunda-feira (24) na Assembléia Nacional (DNA) que o uso de drones é cada vez mais comum no Suriname e é preciso uma licença para o uso dessas máquinas.

De acordo com o ministro, empresas do setor de comunicação, agências e indivíduos usam drones para tirar fotos aéreas e para produção de vídeo e como se trata de uma aeronave controlada a partir do solo, precisa de uma licença. Welzijn, disse ainda que o uso dessas máquinas não pode ficar sem regulamentos básicos como por exemplo no caso do controlador perder de vista o drone ou ser usado no escuro oferecendo perigo aos pequenos aviões ou helicópteros. Portanto torna-se necessário a criação de uma lei para controlar e aplicar sansões contra o uso não autorizado de drones no Suriname.

O ministro Ferdinand Welzijn chamou a atenção dos parlamentares para o fato de que os drones já estão sendo usados por traficantes para transportar drogas e espionar a polícia em outros países como Brasil, Estados Unidos e México.

Welzijn afirmou que mesmo que ainda não exista uma lei específica para o uso de drones, a polícia vai agir com rigor contra as pessoas que fizerem mau uso destes aparelhos. ” Um drone independente do seu tamanho é uma aeronave e uma aeronave não pode voar sem uma licença, ainda que seja controlada a partir do solo” salientou o ministro.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar