Professora é acusada de colar esparadrapo na boca de criança de quatro anos

Professora é acusada de colar esparadrapo na boca de criança de quatro anos

Uma estudante de quatro anos relatou à família que foi vítima de uma violência por parte de uma professora da escola em que estuda. A educadora colou esparadrapo na boca da menina para que ela se calasse.

O caso aconteceu em uma escola municipal da cidade de Jandira, no interior de São Paulo.

De acordo com a mãe, identificada como Jéssica, a estudante chegou em casa e foi logo contando a avó o que passou, inclusive, a humilhação diante aos demais alunos da classe.

“Vó, a tia colou minha boca com fita porque eu estava falando muito. E eu fiquei muito triste porque os meus amiguinhos todos riram de mim. E doeu muito quando ela tirou a fita, antes de eu sair da escola”, o depoimento foi postado pela mãe da menina no Facebook.

O caso foi parar em uma delegacia onde foi registrada uma ocorrência. Após, a menina foi ao Instituto Médico Legal (IML) onde fez exame de corpo de delito.

Procurada pela reportagem do site Brasil ao Minuto, a prefeitura de Jandira informou que a professora foi afastada das funções e que uma sindicância interna vai apurar as responsabilidades.

(DOL com informações do Brasil ao Minuto)

Fonte: Dol

Comentar

Comentar