Polícia de imigração prende surinamês que mantinha haitianos ilegais em sua residência

Polícia de imigração prende surinamês que mantinha haitianos ilegais em sua residência

De acordo com informações divulgadas no site da KPS nesta terça-feira (18), 24 haitianos que entraram ilegalmente no Suriname, foram detidos pela polícia de imigração.

O relatório da polícia informa que entre os haitianos detidos estavam 9 homens, 10 crianças e 5 mulheres.

A operação que resultou na prisão dos imigrantes ilegais foi realizada pela polícia de Nickerie em um endereço residencial na Giwiniestraat. Um casal de surinameses, responsáveis pelo imóvel onde estavam os ilegais, foi preso e encaminhado para o Departamento de Repressão ao Tráfico de Pessoas da polícia do Suriname.

O tráfico humano é o comércio de seres humanos, mais comumente praticado para fins de escravidão sexual, trabalho forçado ou exploração sexual comercial, tráfico de drogas, extração de órgãos ou tecidos, incluindo uso de barriga de aluguel e remoção de óvulos ou ainda para cônjuge no contexto de um casamento forçado para fins de permanência no país.

O governo do Suriname que participa da convenção internacional em defesa dos direitos humanos, assumiu compromisso de combater o tráfico de seres humanos nas suas fronteiras.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar