O ministro Robert Peneux, da Educação, Ciência e Cultura, deixou o cargo na quarta-feira, 4 de abril, após a nomeação pelo presidente Desi Bouterse de uma nova ministra para a pasta.

Robert Peneux disse que deixa o ministério bem disposto e que não tem lembranças ruins de seu período como ministro.

Durante o período em que esteve á frente do Ministério da Educação, Ciência e cultura, o ex-ministro foi confrontado com vários desenvolvimentos na educação, mas Peneux disse que este foi um período de mudanças na educação e os confrontos foram necessários para a melhoria do processo educacional. Robert Peneux foi ministro das fileiras da educação. Foi professor em vários níveis e diretor de 5 escolas secundárias. Em sua carreira, ministrou 28 cursos em todo o país e ganhou 4 vezes o Prêmio de Excelência de Professores em Roterdã, na Holanda. Antes de ser ministro, trabalhou dentro das estruturas do próprio ministério ocupando a função de diretor de educação.

O ex-ministro Robert Peneux, foi sucedido pela nova ministra da Educação, Ciência e Cultura, Lilian Ferrier.

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar