Líderes religiosos do Suriname se unem na luta contra HIV/AIDS

Líderes religiosos do Suriname se unem na luta contra HIV/AIDS

Em conexão com a luta nacional contra o HIV/AIDS, a Conferência de Parceria Pan-Americana foi realizada no Suriname.

A Parceria Pan Caribe Contra o HIV/AIDS (PANCAPE) que é uma iniciativa da Caricom foi realizado no hotel Courtyard Marriott, em Paramaribo no período de 7 a 9 de fevereiro.

Representantes do governo, sociedade civil e membros de organizações religiosas discutiram como trabalhar juntos para combater o estigma e a discriminação contra pessoas infectadas pelo HIV, pessoas do grupo LGBT, profissionais do sexo e outros grupos vulneráveis.

Segundo o ministro da saúde, Patrick Pengel que discursou na abertura do encontro, na luta contra HIV / AIDS, são analisados ​​mais os grupos de risco, deixando-se de dar importância a outra parte da sociedade. “Esta parte da sociedade é, portanto, separada da chamada “População-Chave”, enfatizou o ministro Pengel. Em vista dessa questão, foi decidido examinar com as organizações das igrejas no Suriname o papel que estas organizações podem desempenhar na informação desses grupos. O foco das conversações foi colocado principalmente nos grupos LGBT porque neste grupo existe um alto risco de infecção por HIV/AIDS entre pessoas trans e homens que fazem sexo com homens.

O Suriname é conhecido por sua coexistência pacífica de uma população multi-étnica e multi-religiosa e por isso O PANCAP trouxe este diálogo entre líderes de fé regionais e líderes de comunidades regionais.

Segundo dados do Ministério da Saúde, no Suriname existem 2.400 pessoas em tratamento, e isto significa um aumento de 60% a partir de 2014. Com a iniciativa do PANCAP, espera-se diminuir rapidamente o número de pessoas que ainda necessitem de tratamento.

Foto: NII

Deixe seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar