Léo Santana diz que só dorme três horas por dia durante carnaval: ‘É maratona’

Léo Santana diz que só dorme três horas por dia durante carnaval: ‘É maratona’

Cantor de apresentou na tarde de sábado (2), no circuito Dodô (Barra-Ondina) e desfila neste domingo (3), no circuito Osmar (Campo Grande)

O cantor Léo Santana falou sobre a maratona durante o carnaval. Ele se apresentou na tarde de sábado (2), no circuito Dodô (Barra-Ondina), em Salvador, e dormiu apenas três horas para desfilar neste domingo (3), no circuito Osmar (Campo Grande), também na capital baiana.

Em entrevista, o cantor, que também é conhecido como “Gigante” e “GG”, destacou a maratona durante a folia.

“Rapaz, [dormi] muito pouco. Três horinhas somente de ontem para hoje. Terminei o bloco do Nana, 5h30 de show, em seguida fizemos mais 1h30 no Camarote Salvador, e chegamos em casa 5h. Fui dormir 5h30, 5h40, para estar de pé 9h. Então, ainda estou com a voz um pouco ‘soprosa’, devido ao pouco tempo de sono. Mas é isso, carnaval é maratona e, graças a Deus, eu venho dando conta super bem, obviamente com a equipe por trás”, disse.

Léo Santana contou que no circuito Osmar (Campo Grande), ele se sente em “casa” e prometeu muita diversão na pipoca.

“As melhores. É tradicional. Onde tudo começou, de fato. Claro que cada local tem seus detalhes, sua especialidade, sobre a Barra, sobre o Campo Grande, mas aqui [Campo Grande] eu me sinto em casa de fato. Aqui é minha verdade. Aqui a galera, de fato, consome o carnaval, não é tipo assim, eu vou dar meu nome hoje. Então aqui eu vou me divertir para caramba, obviamente trabalhar, mas me divertir muito, porque a pipoca do “Gigante” vai ser isso aí”, disse o cantor.

Léo também falou sobre a noiva, Lore Improta, que faz show infantil, neste domingo, no bairro do Rio Vermelho.

“Minha nega eu sou suspeito para falar, ela me apoia em tudo e vice-versa. Por sinal ela está no Rio Vermelho se apresentando com o show infantil, no carnaval dos bairros e eu já desejei toda a sorte do mundo antes de vim para cá, dormimos juntos e eu me amarro”, disse.

O desfile do cantor foi marcado pelas músicas na boca do folião e o carinho do povo. Desde a concentração, quando os músicos passavam o som, os fãs não saiam de perto do trio. Acompanharam a todo momento, até que, de fato, o show começou.

Com precisão, começou às 14h, quando o cantor deu um “oi” para a praça, que respondeu em coro. Vestido com um macacão jeans e uma camisa estampada em xadrez e detalhes de tigre, Léo era animação pura, nem parecia que ele tinha dormido pouco.

O percurso foi de alegria. Era um tal de swing, que começava no fio do cabelo e seguia pra pontinha do pé, ou vice-versa. Principalmente quando começavam os acordes de ‘O dono da porra toda’ e ‘Crush, blogueirinha’, apostas do Gigante para o carnaval deste ano.

Era Léo comandar do trio, que o povo respondia cantando e com o gingado do corpo.

Durante a pipoca, o cantor ainda reforçou a campanha contra o assédio sexual. “Não é não, moçada. Respeite as minas”, disse.

Léo Santana ainda se apresenta na terça-feira (5), no bloco As Muquiranas, na Barra, a partir das 17h30. E na quarta-feira (6), durante o arrastão do Gigante, confirmado na semana passada.

Fonte: G1

Comentar

Comentar