Delegado da Polícia Federal brasileira recebe homenagem do Corpo de Polícia do Suriname

Delegado da Polícia Federal brasileira recebe homenagem do Corpo de Polícia do Suriname

A cerimônia realizada na sede da KPS foi uma despedida oficial ao adido da Polícia Federal do Brasil.

A homenagem que contou com a presença da chefe de polícia do Suriname, Sra. Agnes Daniël, foi realizada na última sexta-feira, 12 de maio.

Na cerimônia, o delegado da Polícia Federal do Brasil no Suriname, Dr. Rafael Pinto Marques de Souza, recebeu por parte da autoridade policial do Suriname o reconhecimento pelo bom trabalho à frente da Adidância da Polícia Federal no Suriname. Na ocasião, a comissária de polícia agradeceu pela importante contribuição e apoio recebido durante a gestão do delegado Rafael Pinto que levou ao aprofundamento e reforço da cooperação bilateral entre a KPS e a Polícia Federal do Brasil.

A chefe de polícia do Suriname lembrou da participação dos policiais surinameses nos cursos de formação especializada realizados no Brasil, incluindo a participação de vários membros da KPS no Centro de Cooperação Internacional durante os Jogos Olímpicos realizados no Brasil. A comissária Agnes Daniël fez questão de lembrar também da troca de informação entres as autoridades policiais dos dois países e a formação de policiais do Suriname no curso de português oferecido pelo Centro Cultural Brasil Suriname (CCBS). A Sra. Agnes Daniël, concluiu seu discurso dizendo que espera por uma boa cooperação com o novo adido da Polícia Federal do Brasil no Suriname que ocupará o cargo a partir do próximo mês.

Em seu discurso de despedida, o Dr. Rafael Pinto ressaltou a parceria muito frutífera entre a Polícia Federal brasileira e a KPS dizendo que a Polícia Federal do Brasil vai prosseguir com seus esforços para combater o crime apoiando a KPS em seus esforços para fechar a fronteira para criminosos de outros países. Além do adido policial, participaram da cerimônia, o primeiro secretário da Embaixada do Brasil no Suriname, Sr. João André Silva de Oliveira, o Adido militar brasileiro, o Ten. Cel. Alexander de Sá Vilela, o chefe da missão da Marinha do Brasil no Suriname, o capitão Claudio Zupo Valente e membros do Corpo de Polícia do Suriname.

O delegado Rafael Pinto iniciou sua missão no Suriname no dia 20 de maio de 2015 e é o quarto Adido que o Brasil envia para o Suriname, a fim de dar substância à cooperação policial entre os dois países.

Deixe o seu comentário abaixo.

Comentar

Comentar